Growth Hacking – Parte II ? (Mas mais de 60 anos atrás !!!)

McDonalds - O restaurante, onde os irmãos Maurice e Richard McDonald, em San Bernardino, no estado da Califórnia, servia refeições rápidas (FastFood), vivia lotado, após várias tentativas e mudar todo o conceito, chegaram a um modelo de sucesso. Ali nasceram os “Arcos Dourados”. Foi algo revolucionário para a época. De acordo com o Filme: The Founder – Fome de Poder, Ray Kroc, que ouvia repetidamente pela noite :  “Nada neste mundo supera a boa e velha persistência. Talento não supera. Nada mais comum que talentosos fracassados. Genialidade não supera. Gênios não reconhecidos é praticamente um clichê. Educação não supera. Porque o mundo é cheio de tolos educados. Persistência e determinação, apenas. Este é o poder.” Calvin Coolidge. Kroc, propõe negócio de franquias aos irmãos que já haviam tentado. Depois de muita insistência aceitam. Kroc comprou a parte dos irmãos McDonald em 1954, e investiu na expansão da rede. Num esquema que até hoje é posto em prática, a rede começou a comprar terrenos e alugá-los para os franqueados (outra grande mudança para aumentar a rentabilidade de Kroc e passar a ter o controle de tudo).

Como incentivo ao empreendedorismo, Ray deixou um ditado: "Cuide do cliente e o negócio cuidará de si mesmo."

De acordo com Valdiney Viçossi, o método Growth Hacking agrupa de forma organizada para empreendimentos na web, em geral, mas serve para todo o tipo de sempre, porém o “erro e acerto” já vem de longe.

Tags: growth hacking, Valdiney Vicossi

<< voltar

Comentários (0)

  1. Seja o primeiro a comentar.

Postar um novo comentário

Comentar como visitante:

*Conteúdos com asterisco são obrigatórios

Aviso: Após enviado, o seu comentário terá que ser aprovado pelos moderadores do blog da VM2 antes de ir para o ar.

Não se preocupe, isso é apenas para manter o controle do site.